Gênesis

Sou apenas uma aberração da natureza?

Meus pais não gostavam muito de ir à igreja, mas meus avós paternos arrastavam eu e meus quatro irmãos para a igreja sempre que possível. Eu fui para a Escola Dominical e assisti a incontáveis sermões - o tempo todo desejando estar jogando beisebol ou fazendo algo divertido. Eu tinha coisas melhores para fazer nas manhãs de domingo e nas noites de quarta-feira do que ir aos serviços religiosos. Pensando bem, estou feliz por ter participado. Parte disso foi absorvido. Uma semente foi plantada.


Eu aprendi todas as histórias da Bíblia, você sabe, Criação, Adão e Eva, o dilúvio de Noé, Moisés abrindo o Mar Vermelho, Jesus e a cruz, e assim por diante, sem saber ao certo em que acreditar. Porque, ao mesmo tempo, minhas aulas de ciências na escola estavam me dizendo algo muito diferente sobre quem eu era e como cheguei aqui. As escolas me convenceram de que evoluí de um peixe, que evoluiu de algo ainda mais baixo em uma lama quente e viscosa. Eles me convenceram de que eu era um produto de eventos aleatórios e nenhum criador estava envolvido ou era necessário. Eu não via muito futuro além do túmulo. Não me senti bem com isso, mas quem era eu para discutir os fatos científicos!


No começo dos meus 20 anos (há muito tempo), comecei a questionar tudo o que me ensinaram. Fiquei dividido entre o que me ensinaram na igreja e o que me ensinaram na escola. Decidi que alguém mentiu para mim e não gostei. Eu ainda não entendia completamente toda essa coisa do Cristianismo e por que Jesus teve que morrer na cruz. Mesmo assim, precisava saber a verdade sobre minha existência. Fui o produto de uma série de acidentes aleatórios ou um Ser Supremo me colocou nesta terra por algum motivo? Eu queria saber e precisava saber. Eu tinha um vazio dentro de mim que não conseguia explicar. Eu precisava saber por que estava aqui e o que o futuro reservava para mim. Isso me colocou em uma busca pela verdade.


A primeira coisa que fiz foi ir a uma livraria local e procurar a “verdade” na seção de ocultismo. Certamente posso encontrar todas as respostas para a vida nessas prateleiras que pensei. Acredite ou não, ou pelo menos as respostas começaram aí. Bem ali, no meio de todos os astrólogos, adivinhos e profetas modernos, estava um livro intitulado “The Late Great Planet Earth” de Hal Lindsey. Comprei o livro, li-o e mudou completamente a forma como via a vida. Eu sabia que tinha um futuro empolgante - um futuro empolgante e eterno, se é que isso era verdade.


Depois de ler esse livro, sentei-me e li Gênesis. Um calafrio inexplicável tomou conta de mim quando percebi que estava lendo história real e não mitos antigos. Na verdade, me assustou um pouco, saber, sem sombra de dúvida, os eventos realmente aconteceram. Eu comprei outro livro de Hal intitulado "A Libertação do Planeta Terra", que detalhava quem Jesus era e é, e por que Deus teve que se tornar um homem e morrer na cruz. Outro calafrio tomou conta de mim quando soube que era um fato histórico que Jesus realmente ressuscitou dos mortos. Eu finalmente entendi o plano de Deus - da criação à eternidade. As luzes na minha cabeça se acenderam de repente. Tudo fez sentido.


Em seguida, parti em uma jornada para estudar tudo o que pude encontrar sobre evolução ateísta (o tipo de evolução ensinada em escolas públicas nos EUA) e criação. Todas as coisas vivas ao meu redor adquiriram um novo significado. Eu olhei para eles de forma diferente. Eu podia olhar para um pássaro ou formiga e ver um design e um propósito incríveis. Estudei, em grande detalhe, os sistemas cardiovascular e de visão dos humanos. Estudei o funcionamento da forma de vida mais simples, a célula. Concluí que as chances de a evolução ateísta ser o processo pelo qual a vida evoluiu na terra era zero absoluto, sem mencionar que a origem da vida surgindo da não-vida em alguma lama viscosa também era zero absoluto.


 Não, eu não sou uma aberração da natureza, mas alguém que tem um destino emocionante na eternidade, e colocado aqui por uma razão por um Criador amoroso. Desde aquele dia na livraria, tenho feito uma jornada incrível e emocionante e nunca mais olhei para trás.